8 escapadas de Outono: Viagens à Solta

8 escapadas de Outono: Viagens à Solta

A Sofia e o Paulo não são viajantes de profissão, mas sim de coração. Sempre que podem, aproveitam para escapar e conhecer maravilhas naturais do nosso mundo, para depois relatar no seu blog, Viagens à solta, onde descrevem muitas aventuras. Resolvemos aproveitar um pouco da sua experiência e pedimos-lhe 10 destinos perfeitos para o Outono. Queres saber quais são?

Como é bom andar à solta no Outono. As multidões já se foram e as temperaturas moderadas convidam a regressar à natureza que, nesta altura, se enche de cores, fragrâncias e sabores. Para desfrutar ao máximo da estação, propomos-­lhe 8 evasões de fim-­de-­semana no nosso país.

escapadas de outono

Escapadas de Outono n°1: Mata da Albergaria

 A nossa primeira sugestão é uma floresta encantada no Parque Nacional da Peneda-Gerês, constituída sobretudo por carvalhos seculares. No outono, é ainda mais bonita, quando as árvores se vestem de diferentes tonalidades e a temos praticamente só para nós. Apesar de poder ser atravessada de carro, vale a pena percorrê-­la a pé, ouvindo o rio Homem e os nossos passos sobre as folhas caídas. Para tornar a experiência ainda mais especial, passa­-se por um troço com vários marcos miliários da antiga Via Romana (Geira) que ligava as cidades imperiais de Bracara Augusta (Braga) e Asturica Augusta (Astorga).

Escapadas de Outono n°2: Rota das Faias

 Para assistir à maior explosão de cor no outono, não há como um passeio a pé pelos bosques de faias de Manteigas, na Serra da Estrela. A Rota das Faias é um percurso pedestre sinalizado (5,4 km) que pode ser feito parcialmente ou na totalidade. O momento alto é a chegada a um bosque singular onde os tons dourados cobrem toda a paisagem, um paraíso para os visitantes, fotógrafos e amantes das caminhadas.

Escapadas de Outono n°3: Poço do Inferno

 Não há dúvidas: a zona de Manteigas é um dos melhores locais para apreciar as cores do outono em Portugal. A estrada que conduz a esta cascata leva­nos serra acima, num crescendo de cor, onde o verde das árvores vai dando lugar a um sem fim de tonalidades amarelas, douradas, laranjas e vermelhas. Chegados ao poço, é momento de sair do carro e deixar que a brisa fresca da estação nos renove por dentro e encha de boas vibrações. Os mais aventureiros podem fazer o trilho assinalado com o mesmo nome (2,5 km) para um contacto ainda mais direto com a natureza.

escapadas de Outono

Escapadas de Outono n°4: Covão da Ametade

 É um recanto deslumbrante da Serra da Estrela, com paisagens que parecem pintadas pela mão de um artista. Fica perto da nascente do rio Zêzere, o qual corre por um vale rodeado de grandes montanhas, refletindo no seu espelho de água as tonalidades outonais.

Escapadas de Outono n°5: Vinhedos do Douro

 O Douro também é mais bonito nesta estação do ano, com os socalcos cobertos de vinhas douradas e avermelhadas, que se refletem nas águas calmas do rio. Quer se faça de barco, de comboio ou de carro, o passeio é magnífico. De automóvel, aconselhamos dois locais: a estrada N323 que liga Sabrosa ao Pinhão e o miradouro da aldeia de Casal de Loivos, donde é possível avistar quer a vila do Pinhão quer o rio Douro a contorcer-se entre montes repletos de vinhas e oliveiras em socalcos. Se optar por ir de comboio do Porto ao Pocinho, vale a pena escolher uma janela do lado direito

Escapadas de Outono n°6: Parque Natural de Montesinho

 O trajeto de Bragança até Vinhais, através do Parque Natural de Montesinho, é como uma viagem ao passado, dado o aspeto intocável da natureza envolvente. Para terminar o passeio em beleza, poderá ficar alojado em Montesinho, uma das mais bem recuperadas aldeias transmontanas. Já agora, aproveite para viver algumas tradições genuínas da região, como aprender a fazer pão e folar caseiros, participar na produção dos enchidos ou passar a tarde com um pastor, acompanhando-­o pelas serras e ajudando­-o com as ovelhas. As suas crianças, ou a criança que há em si, vão adorar.

Outono

Escapadas de Outono n°7: Soutos da Padrela

 A zona da Padrela (situada entre Carrazedo de Montenegro, Vila Pouca de Aguiar e Chaves) tem a maior mancha contínua de castanheiros da Europa. Ora o castanheiro é uma das árvores que nos oferece um verdadeiro espetáculo no outono. Logo, este só podia ser um dos melhores locais para contemplar esta estação em Portugal. É também o tempo do magusto e de provar a castanha na gastronomia e na doçaria regionais.

Escapadas de Outono n°8: Parque Natural do Alvão

 É um dos lugares mais intocados do nosso país. O castanho alaranjado e avermelhado conferem ainda mais beleza à paisagem já por si deslumbrante. Além de florestas caducas para caminhar, podem-­se contemplar rios em estado puro, lagoas rochosas com cores mágicas e as Fisgas do Ermelo, a maior queda de água de Portugal.

Segue-nos no blog e no Facebook.


Desfruta do Outono!

Publica uma viagem        Procura uma viagem

Descobre mais sobre

Guest Posts

Ao navegar o nosso site, concordas com o uso de cookies para analisar e produzir conteúdo e anúncios adaptados aos teus interesses. Lê a nossapolítica de uso de cookies

Publica uma viagem